Bem-Vindo à Esa Filosofia. Aqui poderá encontrar toda a informação, dicas, textos de reflexão, ensinamentos diários, artigos científicos, que o vão ajudar a criar e a melhorar a sua consciência, forma de pensar, a sua visão do mundo, entre muitas outras coisas. Semanalmente levaremos até si artigos de grande qualidade sobre assuntos que por vezes ouvimos ou lidamos diariamente sem perceber bem o porquê do mesmo. Participe e Comente!

7 de maio de 2012

5 livros de filosofia para iniciantes! (2)

Categories: , ,

Hoje iremos fechar um ciclo. Mais concretamente, vamos dar finalidade ao assunto tratado no artigo 5 livros de filosofia para iniciantes (1). Assim, iremos apresentar-lhe os restantes 5 livros que consideramos fundamentais e de leitura quase obrigatória para quem se iniciou no estudo da filosofia à relativamente pouco tempo. Nota: Considere ler o primeiro artigo antes de ler esta continuação.

Este artigo é a segunda parte de um conjunto de 2 artigos, que ao todo, lhe dão a conhecer 10 fantásticos livros para você começar a estudar Filosofia com mais facilidade e mais prazer. Aqui, iremos então, dar finalidade ao tema tratado no artigo anterior.



1. “MAIS PLATÃO, MENOS PROZAC”, DE LOU MARINOFF

Sinopse - "Como lida com os desafios, perdas e conflitos de seu dia-a-dia? Da forma mais racional e consciente possível? Se a resposta for positiva, parabéns, você deve ser um dos poucos felizardos que compreenderam que a vida não é tão complicada como muitos pintam. Mas se continuar à procura de novas perspectivas para enfrentar velhos dilemas emocionais, que tal recorrer à filosofia? Essa é proposta do filósofo Lou Marinoff, autor de «Mais Platão, Menos Prozac!». Marinoff é um dos pioneiros nos Estados Unidos da nova corrente filosófica que propõe retirar a filosofia dos debates académicos e levá-la para o quotidiano de todos os cidadãos. 
Neste livro, Lou Marinoff chama a atenção de que a vida não é tão complicada quanto muitos dizem. Segundo ele, se encontrarem problemas, analisem as várias opções e depois disso, basta apenas escolher a melhor e com ela, resgatar o equilíbrio pessoal.


2. “O CONSOLO DA FILOSOFIA”, DE ALAIN DE  BOTTON

Sinopse- "O Consolo da Filosofia é uma viagem cativante ao longo de 2400 anos de filosofia Ocidental. Focando a vida e o trabalho de seis dos filósofos mais importantes dos últimos tempos, Alain de Botton apresenta uma análise espirituosa e esclarecedora sobre o modo como a filosofia pode ser um consolo, inspirando-nos e constituindo uma motivação. Com inteligência, sabedoria e criatividade, o seu livro é simultaneamente um compêndio indispensável de aconselhamento sobre o modo como lidar com as nossas angústias mais correntes e uma espantosa introdução à história e utilização da filosofia.

Esta obra é sobretudo engenhosa relativamente à divertida e inteligente forma como explica a vantajosa utilidade da filosofia e a sua história.


3. “AS PERGUNTAS DA VIDA”, DE FERNANDO SAVATER
Sinpose - "Para que serve a filosofia? Qual deveria ser o seu papel no ensino secundário? Estamos habituados a que a ciência resolva muitas das nossas dúvidas e problemas, mas algumas perguntas continuam em aberto, porque não admitem nenhuma solução definitiva. A filosofia não pretende responder-lhes de uma vez por todas, mas continua a ensinar a formular essas perguntas de forma cada vez mais rica e mais significativa, enquanto propõe tentativas de respostas para nos ajudar a conviver racionalmente com elas. Este livro gostaria de ser uma iniciação elementar à reflexão filosófica...

Este é um livro de iniciação elementar, rico em conhecimento de reflexão filosófica que se pode tornar muito vantajoso a principiantes no estudo da Filosofia
4. “SETE CARTAS A UM JOVEM FILÓSOFO”, DE AGOSTINHO DA SILVA
Sinpose - "As Sete Cartas a um Jovem Filósofo de Agostinho da Silva, conhecidas como uma das suas obras principais, são, ao mesmo tempo, uma autobiografia ficcional e um discurso sobre  o sentido e o valor da filosofia. Eles revelam-se assim, já em 1945 no ano da publicação, como um livro central para compreender a vida e o pensamento de Agostinho, não só como uma cronologia do passado, mas também como uma história do futuro."



Uma obra não tão pesada como as últimas, devido ao facto de dar principal importância à vida e pensamentos deste autor que é considerado um dos mais importantes filósofos portugueses e um dos maiores pensadores do século XX. Muito boa para quem busca motivos para se iniciar no estudo da Filosofia

5. “BREVE HISTÓRIA DE QUASE TUDO”, DE BILL BRYSON


Sinpose - "Uma pesquisa digna de um mamute, anos de investigação e como resultado… o Big Bang, os dinossauros, o aquecimento global, a geologia, Einstein, os Curies, a teoria da evolução, a gasolina com chumbo, a teoria atómica, os quarks, os vulcões, os cromossomas, o carbono, os organismos ediacaranos, a descontinuiade de Moho, o ADN, Charles Darwin e um zilião de outras coisas."


Em linguagem não demasiado científica, sempre clara e com as devidas anotações, o leitor é conduzido, por este autor extremamente divertido e bem informado, numa viagem através do tempo e do espaço, cujo prato forte é também revelar-nos algumas ironias do desenvolvimento científico. Esta é verdadeiramente uma obra que nos dá a sensação de ter o mundo na palma da mão. Sem dúvida uma boa escolha de leitura de iniciação a esta disciplina.


E VOCÊ, JÁ LEU ALGUM DESSES LIVROS?






Spread The Love, Share Our Article

Related Posts

12 Comentários para 5 livros de filosofia para iniciantes! (2)

22 de julho de 2012 às 14:12

Não vejo a hora de começar a ler!

23 de julho de 2012 às 00:52

Boas Alice Neves,
É realmente reconfortante ver o seu entusiasmo. Não deixe escapar essa sua vontade em saber mais e mais. Sabedoria não ocupa lugar.

Cumprimentos,
EsaFilosofia

24 de setembro de 2012 às 03:42

Vejo que algumas sugestões tem como alvo leitores adolescentes e jovens na faixa dos 20. Obviamente, não conheço a maior parte das sugestões, mas cheguei à esta conclusão através das sinópses. Não sou tão mais velho (30), mas gostaria de sugestões que talvez condizam mais com a minha idade. Vocês podem me ajudar?

6 de outubro de 2012 às 02:39

Boas Pierre,
Muitas das sinopses, dos livros por nós sugeridos, foram realmente feitas a pensar em pessoas que tenham iniciado o seu interesse pela filosofia, recentemente. Contudo, esses livros não deixam de ser bastante úteis, agradáveis de ler e surpreendentes para uma pessoa de idade um pouco mais avançada.

Cumprimentos,
EsaFilosofia

Anónimo
9 de fevereiro de 2013 às 22:28

Quem lê é cheio, quem escreve é exato, quem fala é pronto, quem ouve é sábio.

9 de abril de 2013 às 00:14

Li "Mais Platão..." porém não inteiro, mas vou terminar, gostei muito e vou ler os outros indicados.

Rui Rodrigues
9 de janeiro de 2014 às 01:18

Irei começar a ler alguns livros que estão a ser recomendados já que sou um iniciante e a área da Filosofia parece-me interessante.

12 de janeiro de 2014 às 23:11

Já ouvi falar neste do Savater. Irei comprá-lo!

7 de novembro de 2015 às 05:12

Mais Platão, Menos Prozac, perfeito. Amei.

24 de novembro de 2016 às 00:10

Muito obrigado ao autor do blog que de forma simples nos apresentou essa coletânea de livros a ler e vir a conhecer a filosofia e sua inegável utilidade, sempre tive (acho que medo) de começar ou entrar de cabeça na filosofia, exatamente por não saber por onde começar, mais uma vez fico muitissimo grato e feliz ao autor do blog.

24 de novembro de 2016 às 00:11

Muito obrigado ao autor do blog que de forma simples nos apresentou essa coletânea de livros a ler e vir a conhecer a filosofia e sua inegável utilidade, sempre tive (acho que medo) de começar ou entrar de cabeça na filosofia, exatamente por não saber por onde começar, mais uma vez fico muitissimo grato e feliz ao autor do blog.

Anónimo
7 de fevereiro de 2017 às 16:16

Li "O Mundo de Sofia", sensacional, uma linguagem simples para falar sobre diversas questões filosóficas. Recomendo a todos!

Enviar um comentário

Caro leitor! É com enorme prazer que o recebemos aqui. Recomendamos-lhe vivamente que nos escreva de uma forma organizada e em português correcto, identificando-se, explicando a razão do seu contacto e deixando a sua mensagem de uma forma clara. Ofensas a autores ou a qualquer outro leitor não serão aceites. Obrigado

Ir ao Topo Ir ao Fundo